Espumante, o queridinho dos casamentos!

O Espumante se tornou o queridinho dos casamentos. É muito difícil imaginar uma festa de casamento sem o espumante. E ele deixou de ser apenas para o brinde e caiu no gosto dos convidados.

20111117191459

Aí já viu, quando estamos organizando o casamento, mil dúvidas vem a nossa cabeça, eu separei 3 para falar um pouco:

    1. Coloco Champanhe, Espumante, Cava ou Prosecco? Ou é tudo a mesma coisa?
    2. O ideal é que ele seja Brut, Demi Sec ou Moscatel? Alías, o que é isso mesmo?
    3. E a quantidade, qual o ideal a ser servido?

Pra responder a primeira dúvida de forma mais científica, fiz a pesquisa em alguns sites, como o Falando de Vinho, Segredos do Vinho e do blog Vestida de Noiva, mas do lado tem a minha forma simples de explicar:

Espumante: é um vinho que passa por duas fermentações: na primeira, comum a todos vinhos, o açúcar do mosto das uvas é transformado em álcool; na segunda, fermentos colocados no líquido produzem o gás, as bolinhas. Essa segunda fermentação pode acontecer na própria garrafa, o chamado método champenoise, usado no melhor e mais conhecido espumante do mundo, o Champagne (método champenoise) ou em grandes cubas fechadas como se fossem autoclaves, o sistema charmat, mais rápido. Ou seja, falou em vinho gaesificado, na dúvida chame de Espumante.

Champanhe: é um tipo de espumante, porém somente pode-se chamar de champanhe a bebida produzida na região de Champagne, na França. A bebida passa por regras rígidas de produção, e são usadas apenas três tipos de uva: pinot noir, pinot meunier e/ou chardonnay. A fermentação é feita dentro da própria garrafa, isso é um dos motivos também de ser mais caro. Resumindo: São espumantes produzidos na região de Champagne.

Prosecco: Bem famoso por aqui, também é um tipo de espumante, porém este é produzido na Itália , com um único tipo de uva, de mesmo nome, originária do Vêneto (pode ser produzido fora da Itália, se as uvas forem italianas). A pesca: um espumante produzido com uvas Prosecco da Itália.

Cavas: São espumantes produzidos na Espanha pelo método Tradicional, ou Champenoise, na região da Catalunha principalmente em Penedés. Nesta região se usam, quase que exclusivamente ,as uvas autóctones Maccabeo, Parellada e Xarel-lo. São uma ótima opção aos espumantes Franceses. Pra gravar: um espumante produzido na Espanha com uvas Maccabeo, Parellada e Xarel-lo.

Agora a segunda dúvida tem relação com a quantidade de açúcar do espumante.

O Brut é mais seco e o mais consumindo no mundo inteiro. Eles harmonizam fácil com salgados, em geral. É o mais indicado para casamentos. Inclusive, se você estiver na dúvida, opte por ele.

O Demi Sec é meio adocicado e harmoniza muito aperitivos, canapés, queijos suaves, caldos e frutos do mar.

O Moscatel é o mais doce e faz a graça da mulherada. Eu, particularmente, além de achar enjoado, não recomendo, pois aumenta o consumo e o resultado pode ser desastroso com as mulheres exagerando na bebida. Ele é servido quando você vai fazer uma festa estilo Bolo e Espumante, sobremesas, sorvetes e pudins.

Quanto à quantidade de espumantes para comprar, eu já vi contas de fornecedores partindo de 1 garrafa para duas pessoas a 1 garrafa para quatro convidados. O ideal é que nem sobre, mas que também não falte. Mas no fundo, é melhor sobrar.

A minha opinião é para você analisar o perfil de seus convidados e colocar sempre de 1 garrafa para 2 ou 3 convidados. Na dúvida, 1 espumante para 2,5 convidados. Acho 1 garrafa para 4 pessoas muito arriscado de faltar. A gente pode até pensar, meus amigos amam cerveja. Mas quando eles virem o espumante passando, vão acabar bebendo também. Como eu disse no início do post: ele se tornou o queridinho dos casamentos.

Qual eu indico? Depende do seu perfil de festa e do seu bolso. Fiz uma seleção de 03 espumantes por faixa de preço que são boas opções para casamentos.

Espumantes até R$25,00:

espumantes

  1. Terranova Brut é um espumante brasileiro que me agrada muito no paladar. Alguns estudiosos julgam que é um rótulo fraco (sem brilho) para casamentos, mas acho que é uma boa opção para orçamentos apertados; Aqui na Bahia, quem comercializa com o melhor preço é a Casa Dez.
  2. Salton Brut também possui um ótimo custo benefício e tem sido o campeão de vendas nessa faixa de preço. Eu acho um pouco seco, mas é uma questão de paladar. Agrada muito as noivas! Quem comercializa aqui é a Talento Vinhos.
  3. Nero Celebration é um rótulo novo que chegou para disputar mercado com o Salton. Tem por trás dele toda a tradição do Ponto Nero, que é um excelente espumante. Provei e gostei muito. Aqui é comercializado com a Gaya Importadora.

Espumantes entre R$25,00 e R$35,00:

2

  1. Casa Valduga Art Brut é um espumante brasileiro muito indicado para eventos. Eu gosto muito do sabor e acho o rótulo lindo. Preço bom. A distribuidora dele é a Carballo Faro.
  2. Santon Brut Reserva Ouro tem uma garrafa linda e é muito bom. Uma ótima opção comercializada pela Talento Vinhos.
  3. Veuve Elise é o meu preferido dentre essa faixa de preço. Além de achar linda a apresentação dele, é um espumante Frances, gostoso e de qualidade. Quem comercializa é a Gaya Importadora.

Espumantes entre 35,00 e 50,00:

espumantes 3

  1. Freixenet Cordon Negro foi o espumante que servi no meu casamento. É uma Cava. Tem uma apresentação lindíssima e sabor que eu amo. É o meu preferido. A distribuidora dele é a Carballo Faro.
  2. Chandon é o espumante mais famoso de todos, seu nome fala por si. Escolha clássica. Vendido pela Casa Dez.
  3. Gran Legado Brut Champenoise foi eleito como melhor espumante champenoise nacional na ExpoWine em são Paulo em 2014 e ganhou medalha de bronze como melhor champenoise produzido fora da região de Champgne na França. Comercializado pela Talento Vinhos.

Para não deixar de falar sobre um Espumante Rose, escolhi o Rosé Glamour como o nome diz, é um glamour mesmo! Se eu fosse casar de dia, seria a minha escolha, lindo e muito saboroso, dá um tcham especial à festa. Comercializado pela Gaya Importadora.

Glamour_em_baixa[1]

Quero apenas lembrar que há outras opções além das citadas acima. Esse post é totalmente feito em cima de minha opinião pessoal, não é um post publicitário. Não sou expert no assunto, mas espumante é minha bebida preferida, então… já viu né? Perdoem qualquer coisa!

Beijinhos,

Má!

____________________

Contato dos fornecedores:

Garibaldi Bahia: Rochane 71 9985.2310

Casa Dez: Regina 71. 9122.8309

Gaya Importadora: Jaqueline 71. 9390.9293

Talento Vinhos: Leila 71. 9316.4224

18 comments

  1. Marie de Carvalho says:

    Conheci o Rosé Glamour no Camarote da Brahma no Carnaval /2015 e foi paixão ao 1° gole…kkkkkkkk e estou procurando para comprar até hoje sem sucesso.

  2. Juliana says:

    Oi Má! Tudo bem? Vou casar de dia, gostaria de saber se posso servir dois tipos de espumantes (brut e rose) ou se o correto seria optar por um tipo apenas. Obrigada!

    • Marina Novaes says:

      Oi Juli! Geralmente o pessoal escolhe somente por um, mas eu não vejo problema em ter dois não. Acho que o Rose fica excelente para casamentos diurnos, e brut é preferência nacional! Beijos

  3. Monica Martinez Gomes says:

    Olá! Encontrei seu post pesquisando sobre o assunto no google. Muito bom Parabens!
    Essas continuam sendo as opções mais viáveis atualmente? A opção vueve elise não encontro em lugar nenhum. Meu casamento é em Maio no sul de MG, mas SP é a Capital mais próxima…
    se tiver outras sugestoes, agradeço…

    • Marina Novaes says:

      Oi Monica. Hoje temos outros rótulos no mercado. O Gran Legado brut, Garibaldi Brut ou Chardonnay, o Glaumour Rose… Ponto Nero…. Vou preparar um post atualizando novas opções.

  4. Monica Martinez Gomes says:

    Marina, obrigada!

    Os que estou avaliando sao esses abaixo, e encontrei um preço ótimo para o La Chamiza. Você conhece?

    1) Casa Valduga Arte Tradicional Brut – BRA
    2) Gran Legado Brut – BRA
    3) La Chamiza Brut – ARG
    4) Veuve Elise Brut – FRA
    5) Veuve D’argent Brut – FRA

  5. Marcela says:

    Boa tarde Marina,
    Me ajuda? rs
    Vou casar em junho, no entardecer, estou na duvida entre duas variações de conde de foucauld branco brut ou rose demi-sec.
    Qual você cha mais adequado servir?
    Obrigada!

    • Marina Novaes says:

      Oi Marcela. Gosto muito de espumante rose. Porém nesses casos, sempre opto pelo Brut por não ter erro. A harmonização com a comida servida é melhor.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.