Como escolher a flor de lapela

O casamento conta com uma série de detalhes que fazem toda diferença. Um deles é a flor de lapela, presente nos trajes masculinos do noivo, dos pais e padrinhos. E esta tradição, que é bem antiga, cada vez mais ganha ares modernos. 

A tradição é antiga. Surgiu com o romance da rainha Vitória e o príncipe Albert. Eles se casaram oficialmente em 1839 e mudou a história dos casamentos. Vitória usou um vestido branco para demonstrar a pureza dos seus sentimentos e acabou dando início ao costume das noivas adotarem o branco como a cor oficial da celebração. Já o príncipe acabou dando origem à tradição da flor da lapela. Ele ganhou de sua amada um mini buquê de flores, fez um pequeno corte na lapela de seu paletó e nele colocou o mini ramalhete para se lembrar de sua Vitória. O gesto se espalhou na sociedade Britânica e depois para o mundo.

Continue reading →

A lapela do noivo

Além de conferir elegância ao traje dos noivos, a flor de lapela, do francês boutonnière, tornou-se uma tradição para diferenciar os convidados mais importantes do casamento: noivos, pais, padrinhos e pajens.

Com mais de cinco séculos de história, a flor de lapela, que era antes um amuleto masculino contra o mal, tornou-se um acessório sofisticado, cada vez mais procurados pelos noivos mais antenados.

Continue reading →
%d blogueiros gostam disto: